Da utopia à realidade!

Ourentã 1 GD Chaves 5

Depois de uma primeira fase do campeonato onde apenas averbaram 1 ponto, as Valentes Transmontanas conseguiram uma recuperação épica ao conquistarem 15 pontos, em 18 possíveis, na segunda fase da prova, e lograram a manutenção no Campeonato Nacional de Futsal Feminino.
Ontem, em Cantanhede, na partida do tudo ou nada, a equipa orientada por Rute Carvalho não claudicou, vencendo de forma tranquila por cinco bolas a uma.
Ana, Kaká e Daniela colocaram o Desportivo com uma vantagem confortável, após os primeiros 20 minutos do encontro.
Na segunda parte, o Ourentã entrou a todo o gás e, na conversão de uma grande penalidade, Patrícia Rodrigues ainda deu esperança à equipa da casa. Contudo, as transmontanas não esmoreceram e acabariam por dar ainda mais colorido ao triunfo, mercê dos golos apontados por Ana e Daniela, que carimbaram em definitivo o triunfo na partida e a consequente manutenção no escalão máximo do futsal português.
O Grupo Desportivo de Chaves e a respetiva SAD felicitam todo o plantel, equipa técnica, staff e diretores por este feito, que muito nos enche de orgulho.